quinta-feira, 14 de maio de 2009

Só um desabafo..

Tenho a impressão que toda aquela coisa de ser boa / perfeitinha em tudo, durante a infância/adolescência me fez crescer uma adulta imbecil que não suporta trombar com obstáculos grandes.

Cresci sendo boa aluna, nunca tirei nota vermelha, sempre fiz tudo com muito empenho e muito capricho, tinha os melhores trabalhos da classe, e sim, fazia isso com PRAZER!

Ai fui pra engenharia – e foi no meio dessa estrada construída de circuitos elétricos e hipotenusas, que o que era prazeroso, foi se tornando cada vez mais cansativo. E o prazer? Foi vencido pelo cansaço, se perdeu na curva de alguma parábola ou ficou enganchado na quina de alguns isósceles por ai.

Pela primeira vez a vida esfregou na minha cara o quando sou fraca. Na primeira DP, a motivação que ainda me restava foi mandada pro espaço, só deus sabe como insisti e como meus amigos foram ótimos em tentar me manter no curso. Fraquejei por 6 meses, e no fim das contas, parei. Só eu (e tá, 9787438 pessoas que assistiram) sabem o quanto chorei naquele dia em que tranquei a matricula. Andei a av. Paulista de ponta a ponta chorando. Eu chorava, chovia, chuva, lágrimas, parecia uma coisa só.

Tia da quinta série, Professora Vilma do colegial, odeio vocês por nunca terem me deixado de recuperação, odeio vocês por nunca terem me ensinado desde cedo o que é fracassar, e o que é superar um fracasso.

Sinceramente, não sei exatamente quando perdi o prazer por tudo relacionado a estudos, mas mesmo que não chafurdado em enormes equações e funções geométricas, meu prazer em estudar ficou em algum lugar. Hoje sou aquela garota pouco esforçada que anos atrás eu criticava.

Mas indo direto ao ponto, tenho 2 semanas pra entregar meu TCC. Está longe do fim, e o que já está feito, não está bom, confesso (Sem um pingo de orgulho). E isso por CULPA MINHA, porque eu adiei as tarefas, porque eu não fiz as coisas quando deveriam ser feitas. Tá, meu grupo de TCC também não ajuda em nada nessa situação, pois mesmo reconhecendo que fui relapsa com meu tcc, o restante do meu grupo consegue ser ainda muito pior do que eu. EU TENTEI, juro que tentei tirar forças sei lá da onde, mas elas não surgiram.

Meu eu de 10 anos atrás teria terminado esse trabalho mesmo sozinha. Meu eu de hoje ainda se pergunta onde foi parar o prazer em fazer um trabalho bom, onde foi parar a concentração, onde foi parar o sentido de tudo isso? Onde foi parar a minha vergonha na cara??

E bem, há 2 semanas do prazo final, sendo uma pessoa que trabalha 9 horas por dia e tem aulas à noite, realmente não há muito o que se fazer.

E mais uma vez o fracasso bate aqui no ombro e fala: Desiste logo, minha filha, faz essa merda semestre que vem!

E isso provavelmente vai acontecer, pois sou fraca e desisto antes do juiz apitar o fim do jogo. Não suporto mais esse estresse e sofrimento. [lacrimejando].
Agora assumo isso aqui publicamente. EU SOU UMA MERDA! JOGUEM TOMATES!!

6 comentários:

teresa fur disse...

guriaaaaaaaaaaaaa, inda dá tempo... acredite, fiz o TCC (to com caimbra, cacete ou to Cem Cequiso) ano passado e acredite, teve gente que deixou pra última das últimas horas e conseguiu passar e teve nota melhor que a minha q fiz tudo certinho, bonitinho...

se tu te pilhar tu acaba, honestamente é melhor te livrar disso o quanto antes, mas tmbém é de pensar, deixar pra fazer com mais calma semestre que vem...

o que tu decidir, vai ser bem feito.

Bjoks,

Teresa.

Edu disse...

Ohhhh Bel!
Vem cá, dá um abraço!

Eu sei o que você tá passando, apesar do meu TCC ter sido muito mais tranquilo, já que foi um TCC bem nas coxas por falta de professor pra orientar.

Mas olha, eu vi muita gente levando esporro na apresentação, e não é que mesmo assim foram aprovados? Ou seja até na última hora há esperanças! Você aínda tem duas semanas pra dar uma ajeitada aqui e ali, e finalizar o projeto.

Concordo com você, e eu to no mesmo barquinho. Relaxei! Desanimei! To de saco cheio de estudar! Mas olha!!! Se você conseguir passar! Acabou! :D

Os semestres demoram mais pra acabar quando a gente tá fazendo pela segunda vez.. sério mesmo :(

Beijão!!!

P.R.C. disse...

Bel....

Para já com isso!! Vc não é fraca coisa nenhuma, vc é uma mulher muito forte. Erros, problemas, dificuldades... todos nós temos e passamos por eles todos os dias. Não existe perfeição, e, se existisse seria uma merda de tão tedioso que é. O erro, o medo de fracassar e a conquista de nossos objetivos que nos dão força e PRAZER de continua a diante.

Não tenha medo do erro, ele é bom para que possamos aprender a lidar com ele, sem ele como saberíamos como lidar e vencê-lo? NÂO DA!!

Você é capaz disso, e acredito em você!

Você só precisa PARAR de perfeccionismo que isso nao vai te levar pra nada... Se der merda.. liga o FODA-SE e mete o pau e termina em agosto, não é nenhuma vergonha isso, vergonha é desistir sem tentar.

Sabe o porque você acabou perdendo isso que você comentou no texto? Falta de satisfação com o que fazia.. era tão fácil que o prazer que antes você tinha, acabou ficando sem sentido. O erro, a tentativa de fazer algo sem ter certeza de que vai conseguir é onde causa a emoção de tentar e conseguir...

"Se você perder, você perderá sozinho, mas se você ganhar, você ganhará sozinho, e a satisfação de vencer seus limites é algo tão bom que vale apena correr o risco"

Pensem nisso!

Eu Acredito em Você!

Beijosss,
Paulo.

JEAN disse...

Eu falei... Seguir o caminho dificil é mó bosta...
Se vc ta no inferno (pais de mediocres) abraça o capeta (seja mediocre).
Calma Bebelzinha... nessas oras q vc tira forças do olho do toba pra levantar e sair chutando bundas... pelo menos cmg era assim...
Namasté bebel :)

Anamyself disse...

Uou, Bel!

Enquanto vc era certinha e nunca tirava nota vermelha... Bom, eu era A excluída/nerd até a 7ª série, sem nota vermelha, sem recuperação, sem nada. Chegou o colegial e eu chutei o balde, fui curtir tudo que a escola anterior me privou, incluindo um ZERO e DP em Química.

Eu tb cheguei ao final da faculdade desmotivada. Entregaria o TCC em novembro, e desde julho tudo o que eu queria é que o mundo acabasse, aí eu não precisaria entregar meu TCC. Eu sempre atraso tudo, mas não chega a ficar pra última hora.

Mas se serve de consolo/força de vontade: uma amiga minha deixou rigorosamente tudo para a última hora. Ela escreveu 60 páginas em 2 dias, faltando menos de 2 semanas. 1 semana antes da banca dela, estávamos nós 2 na minha casa varando a noite diagramando, revisando, acrescentando. E no fim das contas, foi super elogiada e tirou 10.

Mas, putz, TCC em grupo? Que infernal, hein. Mas é gente que vc se dá bem? Tem intimidade para xingar tudo mundo? E existe a opção de fazer sozinha? Porque daí, pelo menos, vc sabe qual é o seu limite.

Enfim. Boa sorte. Faça um esforço supremo, pq se você quiser ainda dá tempo.

Anamyself disse...

Oi, eu não sei escrever pouco.